Depois das mortes, governo de Moçambique anula aumentos

Uma semana depois dos protestos que paralisaram Maputo por dois dias e deixaram 13 mortos, o governo de Moçambique anunciou um pacote de medidas para minimizar o impacto da alta internacional de preços.

Foram mantidas as tarifas da água, energia elétrica, preço do pão, transporte coletivo, da batata, tomate, cebola e ovos. Também serão cortados gastos do governo com passagens e ajudas de custo, congelados os salários dos dirigentes. E há uma tentativa de apertar a entrada e saída de recursos do país e combater a dolarização informal da economia, para segurar o valor da moeda nacional, o metical.

Detalhes daqui a pouco.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s